Prefeitura revitaliza mais de 25 praças e espaços públicos em Itabira

O objetivo do programa é proporcionar mais conforto e segurança aos usuários

A Prefeitura de Itabira está finalizando um projeto de revitalização de praças e espaços municipais. Até o momento, já foram revitalizados mais de 25 espaços públicos. O objetivo do programa é proporcionar mais conforto e segurança aos usuários, além de embelezar a cidade com novos projetos paisagísticos.

A ação é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU). Em todos os espaços foram feitas melhorias de infraestrutura, paisagismo, troca de bancos, piso, pintura e acessibilidade, por exemplo. Até o momento, já foram revitalizadas as praças Dr. Pedro Rosa (em frente à Catedral Diocesana), Bíblia (Gabiroba), Antônio Julião (João XXIII), praça em frente ao Varejão Praia, praça no bairro Santa Tereza, pracinha e trevo da rua Ipoema (Pará), Didi Andrade, Praça do Rotary, Rui Barbosa, São Tomé (Caminho Novo), Praça do Zoológico (Pará) e praça no Largo do Batistinha (Centro). E estas duas últimas merecem destaque.

No Largo do Batistinha – um dos mais importantes pontos turísticos do centro histórico do município –, a Prefeitura substituiu todos os bancos, recompôs o piso da calçada portuguesa e pintou toda a praça. Na antiga Pracinha do Zoológico – conhecida assim por, em outras décadas, ter abrigado vários bichos -, houve a recuperação de todo o piso e paredes; pintura; plantio de grama; plantio de jardins nas floreiras; colocação de 36 vasos de plantas floríferas, com a expectativa de que elas floresçam durante todo o ano; corrimão nas escadas; manutenção em toda a rede elétrica, com substituição de cinco luminárias; e o destaque de toda a obra: recuperação e colocação do antigo chafariz em seu lugar original.

Já os espaços públicos que tiveram melhorias foram as pracinhas dos bairros Pedreira e Nova Vista, com construção de quadra de esportes; a via de acesso entre as avenidas Mauro Ribeiro e Duque de Caxias, com construção de acesso ao pedestre; avenida Osório Sampaio, com a troca da guia do canteiro central e confecção de acesso para portadores de necessidades especiais; na entrada do bairro Milânio foram colocadas gramas nos taludes, além da limpeza e pintura das guias em todo o bairro; no Paredão da rua Tiradentes (Centro) houve a substituição de bancos, colocação de grama e troca das luminárias; e recuperação dos passeios do centro histórico (com início na rua Água Santa até a Igrejinha do Rosário e ruas adjacentes).

“As obras de recuperação e revitalização de praças, quadras e imóveis históricos acontece desde 2017, buscando deixar Itabira mais bonita, segura e atrativa, tanto para seus moradores quanto para seus visitantes. Ressalto que a revitalização é muito importante, mas a conservação destas melhorias por parte de toda a população também é essencial”, disse o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Robson Costa de Souza.

Instalação de academias ao ar livre

Para facilitar a prática de atividade física, a interação entre os moradores e a melhoria da qualidade de vida da população, a SMDU instalou oito academias ao ar livre nos seguintes locais: bairros Pedreira, Nova Vista, Barreiro, Boa Esperança (ao lado da Cemei) e Vila São Geraldo (pracinha da rua Sebastião Calixto da Mata); na pracinha da rua Ipoema (Pará); praça Cidade de Toledo (Campestre); e na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

Além disso, nos últimos anos, os serviços de capina, roçada, pintura de guias, poda de árvores e recolhimento de entulhos foram intensificados em toda a cidade, especialmente, no Jardim Belvedere, bairro Milânio, Boa Esperança, Chapada, Barreiro, Barro Branco, CDI, Campestre, Bela Vista, Pará, Centro, Amazonas, Canal do Gabiroba, Parque Juca Batista e Cemitério da Paz. Robson Souza destacou ainda o constante trabalho de limpeza, por meio do “Mutirão da Dengue”.

“Atualmente estamos iniciando o trabalho de limpeza nos bairros Gabiroba, Pedreira e Santa Tereza. E a limpeza do Mutirão da Dengue, por meio da coleta de materiais volumosos continua acontecendo, constantemente, nos bairros com maiores percentuais do Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (Liraa)”, concluiu o secretário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *