Motorista é preso com revólver após atropelamento fatal

A vítima morreu atropelada ao tentar atravessar à BR-381 no perímetro urbano de Ipatinga.

motorista-e-preso-com-revolver-apos-atropelamento-fatal

Um homem morreu atropelado por um carro ao tentar atravessar a BR-381, no bairro Novo Cruzeiro, no perímetro urbano de Ipatinga. O acidente aconteceu por volta das 19h de ontem (07/02). O motorista, de 80 anos, acabou preso por estar com um revólver dentro do veículo.

Segundo a polícia, uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve no local do acidente, mas a equipe apenas constatou o óbito da vítima, que não foi identificada e aparentava ter de 60 a 70 anos de idade.

O motorista contou para os militares que seguia na faixa da direita para acessar a BR-458, quando, de repente, o home atravessou de uma vez na frente do veículo, que ainda freou, mas não conseguiu evitar o atropelamento. O condutor relatou ainda que chovia muito no momento do acidente a havia pouca visibilidade.

No local onde ocorreu o atropelamento, há poucos metros, tem uma passarela destinada à travessia de pedestre.  A perícia técnica da Polícia Civil realizou os trabalhos de praxe e liberou para que o corpo fosse removido ao Posto Médico Legal (PML).

Os policiais submeteram o motorista ao teste do bafômetro e o resultado foi negativo para presença de álcool no sangue do examinado. No interior do veículo, os militares encontraram um revólver calibre 32, carregado com cinco munições intactas, o condutor apresentou o registro da arma, mas o documento estava vencido.

O motorista foi preso por porte ilegal de arma de fogo e encaminhado à delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante. O carro estava com a documentação regular e foi liberado no local do atropelamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *