Pai está sendo investigado pela morte do filho em Itabira

O suspeito está desaparecido desde a noite do último domingo (17).

policia-civil-afirma-que-pai-e-investigado-pela-morte-do-filho

A Polícia Civil já instaurou um inquérito para investigar a morte do jovem Alexandre Hebert Costa Silva, de 22 anos, conhecido como “Xandão”, que foi encontrado morto em seu quarto na manhã do último domingo (17), na rua Joaquim Morais de Brito, no Centro de Itabira.

O Delegado Regional da Polícia Civil, Helton Cota Lopes, afirmou que o pai, Alisson Hebert Silva, de 44 anos, está sendo investigado pela morte do próprio filho. Segundo a polícia, quatro pessoas já foram ouvidas e que todos são suspeitos.

Delegado Regional Helton Cota

“No início de uma investigação, a gente não estabelece limites, todas as pessoas são ouvidas e qualquer suspeito é investigado, nós não temos um principal suspeito no momento e os trabalhos para esclarecer os fatos estão apenas no começo”, ressaltou o delegado.

Na manhã de ontem (18), a Polícia Militar recebeu uma denúncia informando sobre um veículo queimado na localidade do Borrachudo, na zona rural de Itabira. No local, os policiais constataram que se tratava do carro de Alisson Hebert, que está desaparecido desde a noite do último domingo (17).

O carro do pai foi encontrado queimado na localidade do Borrachudo

Segundo a polícia, a última vez que Alisson Hebert foi visto, ele estava em um bar no Madre Maria de Jesus, conversando com um homem ainda não identificado, que teria lhe agredido e saído com o carro.

A Polícia Civil tomou conhecimento deste ocorrido e também está investigando o caso. Segundo o delegado, a causa da morte do jovem ainda é um mistério, pois o laudo da necrópsia ainda não está pronto e aguarda resultados de exames.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *