Falta de presídio compromete às investigações da Polícia Civil

O pouco efetivo da delegacia está sendo empenhado na transferência dos presos.

falta-de-presidio-compromete-as-investigacoes-da-policia-civil

O Delegado Regional, Helton Cota Lopes, da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) em Itabira, participou na manhã desta sexta-feira (19), de uma reunião com o Dr. Jeferson Botelho, Subsecretário de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp). A reunião aconteceu na cidade administrativa em Belo Horizonte.

Na ocasião, o delegado Helton Cota levou ao conhecimento do subsecretário quais são as dificuldades que estão sendo vivenciadas pela Polícia Civil em Itabira, devido a interdição da unidade prisional desde dezembro de 2020.

O presídio foi interditado e Policiais Penais transferidos para outras unidades, desde então a guarda e a escolta dos presos passaram a ser realizadas pelos Investigadores de Polícia, o que comprometeu às investigações que estavam em andamento, tendo em vista o baixo número de efetivo na delegacia.

Segundo o regional, a Sejusp e a Chefia da Polícia Civil estão atentas as dificuldades que estão sendo enfrentadas pelos policiais em Itabira e estão buscando soluções a curto, médio e longo prazo, para resolver os problemas.

*** Com informações da PCMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *